Construindo a Comuna: democracia radical na Venezuela (desconto especial para assinantes)

R$50,00 R$25,00

PRÉ-VENDA / O LIVRO ESTARÁ DISPONÍVEL EM 25 DE JUNHO
Autor: George Ciccariello-Maher
Prefácio: José Dirceu
Editora: Marcia Camargos
Tradução: Aldo Sauda
Revisor: Arthur Dantas Rocha
Ano: 2020
Páginas: 190

Desde 2011, uma onda de levantes populares tem varrido o planeta, ganhando forma em movimentos como Occupy Wall Street nos EUA, a Primavera Árabe na África e Oriente Médio, o 15M na Espanha e os protestos anti-austeridade na França e Grécia. As demandas eram variadas e antes de serem esmagadas, neutralizadas ou capturadas pela direita anti-revolucionária, demandavam um comprometimento firme com as ideias da democracia radical.

“Coincidentemente”, em um país a extrema-direita não conseguiu retomar ao poder em conluio com as forças imperialistas: na Venezuela. Exatamente onde, há trinta anos, surgiram movimentos semelhantes ao que sacudiram o mundo após a crise de 2008. No mesmo período em que a esquerda europeia entrava em declínio, moradores das favelas se levantaram em uma rebelião popular contra as crises do neoliberalismo – o Caracazo – fazendo surgir um governo que institucionalizou as comunas que já ganhavam forma organicamente. O livro Construindo a Comuna, de George Ciccariello-Maher, viaja por estes experimentos radicais, conversando com uma ampla gama de ativistas comunitários, trabalhadores, estudantes e funcionários públicos. Avaliando os erros e acertos do projeto, o livro traz ensinamentos e inspirações para os movimentos radicais dos dias de hoje.

“George Ciccariello-Maher nos lembra das realizações extraordinárias das comunas venezuelanas em estimular a democracia direta nos locais de trabalho e moradia. Independente das tormentas que virão, elas representam o mais alto nível de auto-organização popular na historia moderna da America Latina”
Mike Davis, autor de Planeta Favela

“Um livro ligeiro e importante, que eleva ao palco central as ambições das pessoas comuns em se autogovernar”
Vijay Pashad, autor de Estrela Vermelha sobre o Terceiro Mundo

“A maioria da esquerda marxista mundial desconhece o processo de auto-organização popular que se desenvolveu na Venezuela. Predomina, equivocadamente, a percepção que se trata de uma intervenção do Estado ao serviço do controle e manipulação das massas populares. A leitura deste livro é, portanto, esclarecedora, porque, felizmente, o que prevaleceu na experiência prática de milhões foi a lição de que ‘só povo pode salvar a si mesmo’, como dizem os ativistas venezuelanos”
Valerio Arcary, autor de O Martelo da História 

“Sintonizado as formas com que direita e esquerda exploram as ruas e as redes sociais, Construindo a Comuna é essencial para a esquerda renovar seus debates de táticas e estratégias na construção do poder coletivo”
Jodi Dean, autora de Crowds and Party

“Na era pós-chavista da Venezuela, uma instituição pouco conhecida se sobressai como depositaria das aspirações populares: a comuna. Ciccariello-Maher descreve brilhantemente suas atividades sobe o pano de fundo de conflitos políticos crescentes. Leitura essencial para todos aqueles ansiosos quanto ao futuro da Venezuela”
Richard Gott, autor de Hugo Chávez and the bolivarian revolution 

“Entre 2014 e 2018, foram as comunas e o povo chavista que enfrentaram a direita armada nas ruas e nas barricadas, que lutaram contra a tentativa de dividir o exército e dar um golpe militar, que votaram na Constituinte de Maduro. Sem eles, Maduro e o exército não teriam resistido à direita, que conta com o apoio dos EUA, da Europa e do Grupo de Lima, assim como do Brasil de Jair Messias Bolsonaro. A Venezuela, sem o chavismo e seu povo, já teria tido o mesmo destino do Iraque e da Líbia.”
José Dirceu, prefaciador da edição brasileira

Sobre o autor
George Ciccariello-Maher é rofessor associado de política e estudos globais na Universidade Drexel, na Filadélfia. Ele é o autor de Created Chávez: A People’s History of the Venezuelan Revolution, and Decolonizing Dialectics.

Sobre os autores

é publisher da Jacobin Brasil, editor da Autonomia Literária e um dos organizadores da Festa Literária Pirata das Editoras Independentes (FLIPEI).

Categoria: Tags: ,
Descrição

PRÉ-VENDA / O LIVRO ESTARÁ DISPONÍVEL EM 25 DE JUNHO
Autor: George Ciccariello-Maher
Prefácio: José Dirceu
Editora: Marcia Camargos
Tradução: Aldo Sauda
Revisor: Arthur Dantas Rocha
Ano: 2020
Páginas: 190

Desde 2011, uma onda de levantes populares tem varrido o planeta, ganhando forma em movimentos como Occupy Wall Street nos EUA, a Primavera Árabe na África e Oriente Médio, o 15M na Espanha e os protestos anti-austeridade na França e Grécia. As demandas eram variadas e antes de serem esmagadas, neutralizadas ou capturadas pela direita anti-revolucionária, demandavam um comprometimento firme com as ideias da democracia radical.

“Coincidentemente”, em um país a extrema-direita não conseguiu retomar ao poder em conluio com as forças imperialistas: na Venezuela. Exatamente onde, há trinta anos, surgiram movimentos semelhantes ao que sacudiram o mundo após a crise de 2008. No mesmo período em que a esquerda europeia entrava em declínio, moradores das favelas se levantaram em uma rebelião popular contra as crises do neoliberalismo – o Caracazo – fazendo surgir um governo que institucionalizou as comunas que já ganhavam forma organicamente. O livro Construindo a Comuna, de George Ciccariello-Maher, viaja por estes experimentos radicais, conversando com uma ampla gama de ativistas comunitários, trabalhadores, estudantes e funcionários públicos. Avaliando os erros e acertos do projeto, o livro traz ensinamentos e inspirações para os movimentos radicais dos dias de hoje.

“George Ciccariello-Maher nos lembra das realizações extraordinárias das comunas venezuelanas em estimular a democracia direta nos locais de trabalho e moradia. Independente das tormentas que virão, elas representam o mais alto nível de auto-organização popular na historia moderna da America Latina”
Mike Davis, autor de Planeta Favela

“Um livro ligeiro e importante, que eleva ao palco central as ambições das pessoas comuns em se autogovernar”
Vijay Pashad, autor de Estrela Vermelha sobre o Terceiro Mundo

“A maioria da esquerda marxista mundial desconhece o processo de auto-organização popular que se desenvolveu na Venezuela. Predomina, equivocadamente, a percepção que se trata de uma intervenção do Estado ao serviço do controle e manipulação das massas populares. A leitura deste livro é, portanto, esclarecedora, porque, felizmente, o que prevaleceu na experiência prática de milhões foi a lição de que ‘só povo pode salvar a si mesmo’, como dizem os ativistas venezuelanos”
Valerio Arcary, autor de O Martelo da História 

“Sintonizado as formas com que direita e esquerda exploram as ruas e as redes sociais, Construindo a Comuna é essencial para a esquerda renovar seus debates de táticas e estratégias na construção do poder coletivo”
Jodi Dean, autora de Crowds and Party

“Na era pós-chavista da Venezuela, uma instituição pouco conhecida se sobressai como depositaria das aspirações populares: a comuna. Ciccariello-Maher descreve brilhantemente suas atividades sobe o pano de fundo de conflitos políticos crescentes. Leitura essencial para todos aqueles ansiosos quanto ao futuro da Venezuela”
Richard Gott, autor de Hugo Chávez and the bolivarian revolution 

“Entre 2014 e 2018, foram as comunas e o povo chavista que enfrentaram a direita armada nas ruas e nas barricadas, que lutaram contra a tentativa de dividir o exército e dar um golpe militar, que votaram na Constituinte de Maduro. Sem eles, Maduro e o exército não teriam resistido à direita, que conta com o apoio dos EUA, da Europa e do Grupo de Lima, assim como do Brasil de Jair Messias Bolsonaro. A Venezuela, sem o chavismo e seu povo, já teria tido o mesmo destino do Iraque e da Líbia.”
José Dirceu, prefaciador da edição brasileira

Sobre o autor
George Ciccariello-Maher é rofessor associado de política e estudos globais na Universidade Drexel, na Filadélfia. Ele é o autor de Created Chávez: A People’s History of the Venezuelan Revolution, and Decolonizing Dialectics.

Sobre os autores

é publisher da Jacobin Brasil, editor da Autonomia Literária e um dos organizadores da Festa Literária Pirata das Editoras Independentes (FLIPEI).