Press "Enter" to skip to content
Lançamento da primeira edição impressa em 17 de novembro de 2019 na ocupação organizada pelo MTSTC na Avenida 9 de Julho, em São Paulo.

Três anos de resistência

Hoje é dia de festa. Há exatos três anos, a Jacobin Brasil inaugurou seu site e a sua promessa de trazer ao país uma publicação socialista de qualidade que reunisse o conjunto da esquerda, seus pensadores e suas lutas. Para celebrar, estaremos enviando três livros importantes para pensar o Brasil de hoje a todos que fizerem uma assinatura da revista. Não perca!

Em 28 de maio de 2019, no auditório do Sindicato dos Professores da PUC-SP (APROPUC), em meio a programação do V Salão do Livro Político, a Jacobin Brasil inaugurou o site e sua promessa desafiadora: apresentar ao público uma revista socialista de qualidade, num país que sofreu recentemente um golpe, vivendo sob o governo Bolsonaro, em uma das maiores crises política e econômica das últimas décadas.

Lançamento do site em 28 de maio de 2019 na APROPUC.

A tarefa não foi fácil, mas conseguimos sobreviver. Nesses 3 anos, publicamos 1.173 artigos (média de 42 por mês), que foram acessados gratuitamente por 1,3 milhões de pessoas, gerando mais 8 milhões de pageviews. 

Nas redes sociais, já contamos com 52,3 mil seguidores no Twitter, 35,4 mil no Instagram e 17 mil no Facebook. Tudo feito por uma equipe muito pequena, sem grana, ainda dependendo bastante de trabalho militante.

Nesses 3 anos, além de publicar excelente artigos trazendo um ponto de vista socialista sobre economia, política e cultura, produzimos entrevistas inéditas com Noam Chomsky, Álvaro Garcia Linera, Sonia Guajajara, Ailton Krenak, Zé Dirceu, Txai Suruí, José Genuino, Guilherme Boulos, Edmilson Rodrigues, Maria Marighella, Don L, Frei Betto, Enzo Traverso, Daniel Jadue, Vivi Reis, Natália Bonavides, Juca Kfouri, Michael Löwy, Tariq Ali, Carmem Foro, Kleber Mendonça, Luiza Erundina e outros militantes que lutam pelo socialismo.

Horizonte de luta e promoção especial

Nosso compromisso político é simples e explícito: levantar a bandeira do socialismo, contribuir para a formação de uma cultura socialista vibrante e popular, apresentar de maneira acessível e didática uma mensagem anticapitalista e uma análise de classe para o nosso tempo.

Como coloca Bhaskar Sunkara, fundador da Jacobin:

“Nós, como muitos antes de nós, vemos a classe trabalhadora como um agente de mudança. Embora a classe trabalhadora seja diversa e esteja dividida, é ela quem pode ainda sacudir a jaula capitalista e obter ganhos reais. Como socialistas, acreditamos que a luta de curto prazo por reformas pode não apenas ajudar milhões de pessoas que sofrem hoje, mas também colocar os trabalhadores em uma posição melhor para conquistar demandas mais radicais no futuro. Isso não significa que a luta aconteça em um ritmo constante ou em linha linear – haverá grandes reviravoltas e rupturas no caminho para uma sociedade socialista –, mas significa que levamos a sério o encontro entre pessoas comuns, militantes e movimentos onde eles estejam. 

Publicamos artigos que revelam a verdade sobre o capitalismo: um sistema baseado na exploração e na degradação do espírito humano. A maioria dos nossos posts diários não parece ir mais afundo do que isso. Mas também temos uma visão de um mundo após o capitalismo, construído a partir da riqueza e abundância ao nosso redor. Queremos estender radicalmente a democracia em esferas que o liberalismo sempre se esquivou – o domínio social e econômico – e desafiar a propriedade privada a fim de promover o tipo de coletivismo que pode criar condições reais para o florescimento individual.”

O ano de 2022 está sendo crucial. Queremos publicar mais e melhor, contribuir para o debate programático e estratégico da esquerda, e mobilizar a história do pensamento brasileiro (e das lutas do nosso povo) para a reconstrução de um horizonte socialista palpável.

Se você gosta do trabalho que a Jacobin Brasil realiza e quer que ele continue existindo, faça uma assinatura ou doação, ou compre a revista avulsamente, dê ela de presente para pessoas queridas, ou jovens que estejam iniciando um processo de politização. É um produto bonito e, ao mesmo tempo, garante a continuidade do projeto. Se você assinar entre os dias 28 e 29 de maio, receberá  junto com suas revistas 3 livros: 1) Trabalho produtivo em Karl Marx, de Vera Cotrim; 2) Maio de 68, de Claude Lefort, Cornelius Castoriadis e Edgar Morin; e 3) Bolsonaro genocida, vários autores.

Vamos precisar de toda a ajuda possível. Também queremos ouvir dicas, críticas camaradas e sugestões de como fazer melhor. Portanto, entre em contato sempre que quiserem, pois o nosso projeto precisa de vocês.

Sobre os autores

Cierre

Arquivado como

Published in América do Sul, História, Imprensa and Notícia

DIGITE SEU E-MAIL PARA RECEBER NOSSA NEWSLETTER

2019 © - JacobinBrasil. Desenvolvido por Estudio Dos Ríos & Dobke | Mantido por PopSolutions.Co
WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux